Estudo mostra que exame é capaz de detectar Glaucoma 10 anos dos primeiros sintomas

Um estudo feito por pesquisadores da University College London (UCL) e do Western Eye Hospital, no Reino Unido, conseguiu detectar o Glaucoma 10 anos antes dos primeiros sintomas da doença. Esse diagnóstico precoce é um grande avanço na medicina, pois dessa forma é possível que os tratamentos iniciem antes mesmo da doença se manifestar. 

O Glaucoma afeta cerca de 60 milhões de pessoas no mundo todo, sendo que um em cada dez perde totalmente a visão por conta da doença. Como os sintomas, muitas vezes, não são visíveis, o paciente acaba não iniciando o tratamento no momento certo, causando a perda gradual da visão. 

Para o teste, os cientistas usaram o ANX77, uma substância fluorescente, injetada na veia dos pacientes. Essa substância gruda nas células, da parte de trás dos olhos que, que estão morrendo, tornando-as visíveis aos médicos. 

Os estudiosos afirmaram que ainda vai levar um tempo para que esse procedimento comece a ser usado. Eles contaram ainda que ele será realizado apenas nos pacientes que possuem histórico familiar ou que já foram diagnosticados com a doença, para que sua evolução seja acompanhada.

(Com informações de O Globo) 

Leia também